29 de outubro de 2015

Dia Nacional do Livro




      Saudações leitoras, turm@ que acompanha o blog Diário Virtual de Leitura!
     É sempre uma satisfação publicar aqui, neste espaço virtual, datas tão significativas e importantes, no caso, hoje comemoramos do Dia Nacional do Livro.
     A data celebra uma das invenções mais enriquecedoras do Homem. O livro pode ser uma fonte inesgotável de conhecimento, transportando os leitores para os lugares mais espetaculares da imaginação humana, além de informar e ajudar a diversificar o vocabulário das pessoas. Os livros surgiram há centenas de anos e, desde então, continuam maravilhando as gerações com contos fantásticos e registrando os principais acontecimentos da história da humanidade.
      O Dia do Livro surgiu em homenagem à fundação da Biblioteca Nacional do Livro, em 1810, pela Coroa Portuguesa. Na época, D. João VI trouxe para o Brasil milhares de peças da Real Biblioteca Portuguesa, formando o princípio da Biblioteca Nacional do Brasil.
      Vale lembrar que o Brasil começou a editar seus próprios livros ainda em 1808, quando D. João VI fundou a Imprensa Régia. O primeiro livro a ser editado foi "Marília de Dirceu", do escritor Tomás Antônio Gonzaga.
      Nós, do blog Diário Virtual de Leitura, queremos propor uma brincadeira, aliás uma enquete bem divertida e criativa sobre a leitura. Estão prontos? Então lá vai a questão única, e temos certeza de que muito difícil de ser respondida: qual o livro marcou a sua vid@? Difícil, né? Considerem até o atual momento de sua vida.  
     Então, podemos contar com sua participação? Cremos que sim, por isso desejamos a tod@s nossos seguidores maravilhosas e fantásticas leituras!!!

9 comentários:

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  2. Pergunta difícil!!!! �� rsrsrs
    Um livro que me marcou muito foi "A CABANA".
    Mudou um pouco minha visão de Deus e do sentido da vida!
    #Recomendo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eduarda. Mais que pergunta dificíl né? "Risos"
      "O MENINO DO PIJAMA LISTRADO" um livro que marcou minha vida. Um história triste , mais com pessoas que realmente sabe oque é o amor mesmo com mundos e cores diferentes.
      * RECOMENDO A TODOS *

      Excluir
  3. Na verdade todo livro deixa uma marca, positiva ou negativa, mas um que me marcou muito foi o meu primeiro livro espontâneo, que peguei na biblioteca da Escola Profissional, onde fui incentivada a prática da leitura, principalmente pela professora Maília Costa.
    Devido a fabre de leitura na minha turma de enfermagem, composta por 95% de mulheres, que leram tudo que era Romance, resolvi ler também, mas diferente da maioria das pessoas que começam com algo menor e ingénuo, escolhi o livro que me chamou atenção: Eu, Chistiane F., 13 anos, drogada e prostituida.
    A capa, que ilustra uma criança, um indivíduo com 13 anos apenas é uma criança, logo me interessou, até por ser baseado em fatos reais, um documentário tratando da triste realidade de algumas pesssoas, que no tempo eu desconhecia. Relatando também sobre os tipos e efeitos das drogas.
    Para que venha a vontade de ler é necessário buscar algo que o instigue e essa foi a minha primeira experiência pessoal como leitora.

    ResponderExcluir
  4. Na verdade todo livro deixa uma marca, positiva ou negativa, mas um que me marcou muito foi o meu primeiro livro espontâneo, que peguei na biblioteca da Escola Profissional, onde fui incentivada a prática da leitura, principalmente pela professora Maília Costa.
    Devido a fabre de leitura na minha turma de enfermagem, composta por 95% de mulheres, que leram tudo que era Romance, resolvi ler também, mas diferente da maioria das pessoas que começam com algo menor e ingénuo, escolhi o livro que me chamou atenção: Eu, Chistiane F., 13 anos, drogada e prostituida.
    A capa, que ilustra uma criança, um indivíduo com 13 anos apenas é uma criança, logo me interessou, até por ser baseado em fatos reais, um documentário tratando da triste realidade de algumas pesssoas, que no tempo eu desconhecia. Relatando também sobre os tipos e efeitos das drogas.
    Para que venha a vontade de ler é necessário buscar algo que o instigue e essa foi a minha primeira experiência pessoal como leitora.

    ResponderExcluir
  5. Falar de livros envolve leitura e claro que não podia faltar no diário de leitura .Todos os livros que eu li cada um marcou um pouco ,cada um vem com uma historia que acabamos nos envolvendo e deixando a leitura nos levar a lugares que nunca imaginamos de ir ,mais teve um livro que me deixou bastante interessada cada vez mais pela leitura foi o livro 'Em tuas mãos " de Giselda Laporto um livro muito envolvente eu super indico.
    Raynara enfermagem 1

    ResponderExcluir
  6. Sempre é bom ler como já foi dito acima para aprimorar nossos conhecimentos,para podermos falar e escrevermos bem, e o livro ele pode lhe dá uma das maiores riquezas da vida a sabedoria, é espetacular como os livros nos ajudam. Bom o livro que mais marcou foi "Campo de batalha da mente" de Joyce Meyer por que me ajudou a compreender um pouco mais sobre a influência dos pensamentos na nossa vida, recomendo pra você que quer saber no que os pensamentos influenciam em nossa vida.
    Vanderson Informática 1

    ResponderExcluir
  7. Creio eu que os livros são as passagens da mente para um universo diferente, para a terra do faz de conta , e para o mundo do saber. Sim, mundo do saber. Tolo, é aquele que destrói um livro pelo prazer de ver sonhos e paisagens acabados. Os livros faz parte da mais bela criação do homem.
    Obs: Queria abrir uma exceção quando me refiro ao "destruir livros por prazer" , respondendo a pergunta do post, Destrua Este Diário de Keri Smith, pois foi um dos meus maiores prazeres de destruir um livro , poeticamente falando, pois usei as mais diferentes formas possíveis para amenizar minha dor e a dor do livro. Só sabe que leu , eu recomendo !!!

    by Marcelo Lucas Comércio 1

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Correção : Os livros fazem parte das mais belas criações do homem.*

      Excluir

A menina de Goiás

       Saudações literárias, turm@ que acompanha o blog Diário Virtual de Leitura!       Após um período de ócio produtivo, o bl...