Saudações poéticas, turm@ que acompanha o blog Diário Virtual de Leitura!
   Temos a honra de postar mais um texto fruto de nossos colaboradores, pessoas querid@s de nosso espaço virtual. O texto de que estamos falando é uma maravilhosa contribuição de Ícaro Machado, ex-aluno da EEEP de Aracati, universitário e desbravador  do mundo poético e das artes, além de amante das letras. Ícaro é autor de textos singelos e cheios de reflexão que podem ser lidos não só aqui no blog, mas em sua página do facebook intitulada "Do quintal pra lá".
   O texto "Fim de Namoro descreve"  escolhido para a nossa postagem retrata com propriedade as sensações de um eu-lírico refletindo sobre seus relacionamentos, as  idas e as vindas de amores, as experiências do ser que ama. 
     Confira a seguir e não deixe de comentar suas impressões a respeito do texto.

FIM DE NAMORO

O amor nos consome
Ele nos quebra

Destraça
E nos reconstrói a cada novo amor

Ama-se
Odeia-se

Destrói-se
Daí:

Ama-se de novo
Novo

Amor novo
Novinho em folha

Nem parece mais aquele destroço todo que dias atrás foi, era,
foi-se...

O amor é o vício mais louco e dopante
que eu ainda não pude conhecer

Mas, que já me assusta
Só de pensar que um dia serei eu

a estar por ele,
a mercê.

Que triste,
amor meu.

Que ainda nem conheço,
mas que sei que me fará sofrer.


Ícaro Machado

Comentários

  1. Maravilhoso poema! O autor está de parabéns. O texto trás com a leitura, a refexão sobre o amor, um sentimento tão contraditório que faz parte constantemente de nossa vida.

    ResponderExcluir
  2. Poema traz a realidade do amor, que ama esta disposto passa por varias coisas com principalmente com fim de relacionamento e surgimento de um amor novo

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

O CARNAVAL DE ONTEM E HOJE

As tão sonhadas férias chegaram e...

Vamos travar a língua?