Viva ao Rei do Baião!

Saudações sertanejas, turma que acompanha o blog Diário Virtual de Leitura!

        A postagem de hoje destaca o aniversário de Luiz Gonzaga. Legítimo compositor popular brasileiro, conhecido como o Rei do Baião. (acesse aqui entrevista em comemoração ao centenário de Luiz Gonzaga)
      Considerado uma das mais completas, importantes e inventivas figuras da música popular brasileira. Cantando acompanhado de sua sanfona, zabumba e triângulo, levou a alegria das festas juninas e dos forrós pé-de-serra, bem como a pobreza, as tristezas e as injustiças de sua árida terra, o sertão nordestino, ao resto do país, numa época em que a maioria desconhecia o baião, o xote e o xaxado.
     Admirado por grandes músicos, como Dorival Caymmi, Gilberto Gil, Raul Seixas, Caetano Veloso, entre outros, o genial instrumentista e sofisticado inventor de melodia e harmonias,ganhou notoriedade com as antológicas canções "Baião" (1946) e "Asa Branca" (1947), entre outras. (texto adaptado do wikipedia)
     Desta forma, propomos um desafio a você que acompanha este post: registre em seu comentário o nome ou trecho de uma música deste nordestino arretado como forma de homenageá-lo .

Comentários

  1. Essa música não sai da minha cabeça “A Vida do Viajante” de Luíz Gonzaga.

    “Minha vida é andar
    Por esse país
    Pra ver se um dia
    Descanso feliz
    Guardando as recordações
    Das terras por onde passei
    Andando pelos sertões
    E dos amigos que lá deixei.”
    ...

    Informática III
    Marcos Antônio Filho

    ResponderExcluir
  2. Luis Gonzaga foi um grande ícone do norte e nordeste que levou a nossa cultora para o Brasil e mundo também e fez isso com um grande caráter pois tilha orgulho de do nordeste se estivesse vivo faria 100 anos de pura cultora e caráter.

    ResponderExcluir
  3. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  4. Essa música de Luiz Gonzaga é bem conhecida:

    Quando olhei a terra ardendo
    Com a fogueira de São João
    Eu perguntei a Deus do céu, ai
    Por que tamanha judiação...

    ResponderExcluir
  5. Perguntei a Deus do céu, a bandeira de Soão João, só sei esse trechinho, mas quero dizer que Luís Gonzaga foi uma pessoa guerreira que desbravou as terras além do sertão e tornou o nordeste conhecido, com suas melodias.

    ResponderExcluir
  6. Luís ‘Lua’ Gonzaga Foi uma das mais completas, importantes e inventivas figuras da música popular brasileira. Cantando acompanhado de sua sanfona, zabumba e triângulo, levou a alegria das festas juninas e dos forrós pé-de-serra , bem como a pobreza, as tristezas e as injustiças de sua árida terra, o sertão nordestino, ao resto do país, numa época em que a maioria desconhecia o baião, o xote e o xaxado.

    Alberto dos Santos
    Informática 2

    ResponderExcluir
  7. Parabéns a Luiz Gonzaga esse homem que tem sua história viva até hoje essa é minha homenagem:
    Numa tarde bem tristonha
    Gado muge sem parar
    Lamentando seu vaqueiro
    Que não vem mais aboiar
    Não vem mais aboiar
    Tão dolente a cantar
    Tengo, lengo, tengo, lengo,
    tengo, lengo, tengo
    Ei, gado, oi...

    ResponderExcluir
  8. Luís Gonzaga merece parabéns, pelo grande homem que foi. Que soube valorizar e divulgar a nossa cultura.
    Uma de suas músicas que gosto é Asa Branca, pois retrata o sertão nordestino.

    Iara Macêdo
    Turismo 3º Ano

    ResponderExcluir
  9. Escolhi musica "Asa Branca" não só para homenagea-lo mais tambem porque a musica se encacha bem com o livro "O Quinze" naqual vou apresentar um pouco sobre esse livro na roda de leitura.
    Quando olhei a terra ardendo
    Com a fogueira de São João
    Eu perguntei a Deus do céu, ai
    Por que tamanha judiação
    Eu perguntei a Deus do céu, ai
    Por que tamanha judiação

    ResponderExcluir
  10. É, o rei do baião vai ser sempre lembrado por todos pelo seu jeito simples e sua cultura nordestina.Suas músicas são muito boas pra dançar um forrozinho animado! Umas delas a que mais gosto é essa :
    "Vem morena"

    Vem, morena, pros meus braços
    Vem, morena, vem dançar
    Quero ver tu requebrando
    Quero ver tu requebrar
    Quero ver tu remechendo
    Resfulego da sanfona
    Inté que o sol raiar

    ResponderExcluir
  11. Levo cartas com poesia
    Felizes cartas de amor
    Também cartas de ironia
    De luto e dissabor
    E assim eu vou vivendo
    Nesta minha profissão
    Minhas mágoas esquecendo
    Assobiando a canção.

    Andreza do Nascimento.
    turismo- III

    ResponderExcluir
  12. Luís Gonzaga, rei do baião, parabéns pelo grandioso homem que você foi e torna-se sendo em nossas memorias , o qual contribui de forma grandiosa defendendo nosso nordeste...

    No Ceará Não Tem Disso Não.

    Nem que eu fique aqui dez anos
    Eu não me acostumo não
    Tudo aqui é diferente
    Dos costumes do sertão
    Num se pode comprar nada
    Sem topar com tubarão
    Vou voltar pra minha terra
    No primeiro caminhão

    Vocês vão me adesculpar
    Mas arrepito essa expressão:

    No Ceará não tem disso não,
    Não tem disso não, não tem disso não
    No Ceará não tem disso não,
    Não tem disso não, não tem disso não
    Não, não, não,
    No Ceará não tem disso não,
    Não, não, não,
    No Ceará não tem disso não.

    Elias Lima.
    Enfermagem III

    ResponderExcluir
  13. Luis Gonzaga foi um cara e tanto, ele tirava das suas origens e caracteristicas e transformava em musica,festa e ate mesmo arte, isso fei dele um grande idulo.

    ResponderExcluir
  14. O meu trabalho é honesto
    "a canção do carteiro"

    Mesmo sem ser o melhor
    Se para isso me presto
    É que há coisa bem pior
    Não sou tão sacrificado
    E agradeço ao bom Deus
    Por haver me amparado
    Protegendo a mim e aos meus
    thais adriane
    turismo 3

    ResponderExcluir
  15. recordo-me com carinho das vezes que dancei ao som da musica xote de meninas
    Mandacaru quando fulora na seca
    É um sinal que a chuva chega no sertão
    Toda menina que enjôa da boneca
    É sinal de que o amor já chegou no coração
    Meia comprida, não quer mais sapato baixo
    Vestido bem cintado
    Não quer mais vestir gibão
    Ela só quer só pensa em namorar(..)
    Amanda Vieira
    turismo

    ResponderExcluir
  16. Meu pai escuta muito, e sempre que eu lembro deste grande personagem do nosso nordeste eu lembro de tal musica...

    (Súplica Cearense )
    -Senhor, eu pedi para o sol se esconder um tiquinho
    Pedi pra chover, mas chover de mansinho
    Pra ver se nascia uma planta no chão....
    Desculpe eu pedi a toda hora pra chegar o inverno
    Desculpe eu pedir para acabar com o inferno
    Que sempre queimou o meu Ceará

    Meu Deus, se eu não rezei direito o Senhor me perdoe,
    Eu acho que a culpa foi
    Desse pobre que nem sabe fazer oração

    ResponderExcluir
  17. Orgulho de ver que passaram pessoas que realmente falava da verdade do Nordeste, que falava dos problemas e das riquezas que o mesmo tem. Luiz Gonzaga me deixa esse gosto de satisfeito.

    "Quero ser lembrado como o sanfoneiro que amou e cantou muito seu povo, o sertão,que cantou as aves, os animais, os padres, os cangaceiros, os retirantes, os valentes, os covardes, o amor."

    João Vitor Moreira

    ResponderExcluir
  18. "Não há, ó gente, ó não
    Luar como esse do sertão
    Não há, ó gente, ó não
    Luar como esse do sertão"

    Oh! que saudade do luar da minha terra
    Lá na serra branquejando folhas secas pelo chão
    Este luar cá da cidade tão escuro
    Não tem aquela saudade do luar lá do sertão

    essa é uma das letras das músicas que representa bem a valorização de nossa cultura nordestina

    ResponderExcluir
  19. Minha Fulô
    É por isso
    Que as abeia
    Mandaçáia e jandaíra
    Sanharó e uruçú
    Faz um mel que admira
    Vendo as abêia
    Bebê mel beijando as frô
    Só rescordo o favo doce
    Dos beijos do meu amor

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Xote Ecológico
      Não posso respirar, não posso mais nadar
      A terra está morrendo, não dá mais pra plantar
      E se plantar não nasce, se nascer não dá
      Até pinga da boa é difícil de encontrar

      Cadê a flor que estava aqui?
      Poluição comeu.
      E o peixe que é do mar?
      Poluição comeu
      E o verde onde é que está ?
      Poluição comeu
      Nem o Chico Mendes sobreviveu.

      Anderson Barros Lima TURISMO 3

      Excluir
  20. É muito difícil não lembrar do Luis Gonzaga quando se trata dessa canção. Apenas com um simples solo numa flauta, toca lá dentro do coração. Essa é minha preferida:

    "Quando olhei a terra ardendo
    Com a fogueira de São João
    Eu perguntei a Deus do céu, ai
    Por que tamanha judiação..."

    Ellen Sabrina
    Informática III ano

    ResponderExcluir
  21. Parabens ao Luis Gonzaga pela pessoa q foi e por suas musicas.
    Uma delas e:
    Quando olhei a terra ardendo
    Com fogueira de são João....
    Bianca santos
    Enfermagem III

    ResponderExcluir
  22. Parabéns Luiz Gonzaga Pelo centenário
    Quando eu voltei lá no sertão
    Eu quis mangar de Januário
    Com meu fole prateado
    Só de baixo, cento e vinte, botão preto bem juntinho
    Como nêgo empareado
    Mas antes de fazer bonito de passagem por Granito
    Foram logo me dizendo:
    "De Itaboca à Rancharia, de Salgueiro à Bodocó, Januário é o maior!"
    E foi aí que me falou meio zangado o véi Jacó:
    Luíz respeita Januário

    Rômulo 2° Informatica

    ResponderExcluir
  23. Frase do Rei do Baião!
    Quero ser lembrado como o sanfoneiro que amou e cantou muito seu povo, o sertão,que cantou as aves, os animais, os padres, os cangaceiros, os retirantes, os valentes, os covardes, o amor.
    Luiz Gonzaga
    Camila Costa
    Enfermagem III

    ResponderExcluir
  24. Viva Luiz Gonzaga! É uma prestígio ter grandes nomes representantes do nosso Nordeste.

    Minha Fulô

    "As fulô do meu sertão
    São bonita e são cheirosa
    O pau d' arco e o pau perêro
    Faz inveja a qualquer rosa
    Canafista e muçambê
    Eu nem sei qual mais formosa"

    ResponderExcluir
  25. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  26. Minha vida é andar
    Por esse país
    Pra ver se um dia
    Descanso feliz
    Guardando as recordações
    Das terras por onde passei
    Andando pelos sertões
    E dos amigos que lá deixei.

    ResponderExcluir
  27. O sertanejo festeja
    A grande festa do milho } bis
    Alegre igual a mamãe
    Que ver voltar o seu filho
    Em março queima o roçado
    A dezenove ele planta
    A terra já está molhada
    Ligeiro o milho levanta
    Dá uma limpa em abril
    Em maio solta o pendão
    Já todo embonecado
    Prontinho para São João

    Karen Bezerra
    Informática 2°

    ResponderExcluir
  28. Viva ao cantor e compositor mais cabra da peste do nosso sertão nordestino Luiz Gonzaga o Rei do Baião !!!

    Jailson Oliveira

    Segurança do Trabalho 3 !!

    ResponderExcluir
  29. Luís Gonzaga foi um excelente cantor e compositor, onde representou muito bem "Como o rei do baião"... Parabéns para todos que sabem apreciar Luíz Gonzaga"

    Jonathan Enfermagem II

    ResponderExcluir
  30. É com grande prazer que o Nordeste inteiro homenageia o Rei do Baião. Infelizmente as pessoas não permanecem na terra para sempre, mas o Luiz Gonzaga fez seus de vida valer a pena. Hoje não estando mais presente em nosso meio, suas canções ainda são relembradas e cantadas por boa parte do país. Foi o pioneiro de um ritmo que particularmente, eu curto demais. Viva Luiz! Viva o Rei do Baião!!!

    Eduardo Brito
    Informática III

    ResponderExcluir
  31. Luiz Gonzaga foi um bom cantor um excelente homem que representava pelo bem pelo rei do baião, presente em nosso meio, suas canções que era muito boa Luiz Gonzaga

    Roberta Barbosa
    Segurança do Trabalho 3

    ResponderExcluir
  32. "minha vida é andar por esse país pra ver se um dia eu descanso feliz. Guardando as recordações das terras onde passei, andando pelos sertões e dos amigos que lá deixei. Chuva e sol, poeira e carvão, longe de casa sigo roteiro mais um estação, e alegria no coração."
    Nas férias de julho do ano de 2012 fui ao Expocrato com meu pai e o mesmo foi homenageado no evento.O tema principal do evento "O centenário de Luiz Gonzaga". E muitas coisas interessantes, quadros, videos, a safona do grande Gonzaga, os óculos, o chapéu e etc.

    ResponderExcluir
  33. Ele é simpliismente o rei neer.. o que falar de um rei...
    Adioreii o filme que fizerao sobre a vida dele.. o melhor.

    ResponderExcluir
  34. Quando o verde dos teus olhos
    Se espalhar na prantação
    Eu te asseguro não chore não, viu
    Que eu voltarei, viu
    Meu coração...(8'
    Parabéns, Luiz Gonzaga! :D

    ResponderExcluir
  35. Minha vida é andar
    Por esse país
    Pra ver se um dia
    Descanso feliz
    Guardando as recordações
    Das terras por onde passei
    Andando pelos sertões
    E dos amigos que lá deixei.

    Ruth da Costa
    Enfermagem 3

    ResponderExcluir
  36. Quando olhei a terra ardendo
    Com a fogueira de São João
    Eu perguntei a Deus do céu, ai
    Por que tamanha judiação ♫ ♫ ♫ ♫

    E hoje começa a série GONZAGA DE PAI PRA FILHO - Do Filme.

    Maria Bianca
    Enfermagem 3

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

O CARNAVAL DE ONTEM E HOJE

As tão sonhadas férias chegaram e...

Vamos travar a língua?